Kiko

Felipe Righi Balestrin nasceu em Porto Alegre, Rio Grande do Sul, filho único da enfermeira Rosalba Righi foi carinhosamente apelidado por ela: Kiko. Hoje, no auge dos 24 anos, sua personalidade faz jus ao apelido: alegre, simples, comunicativo, divertido e sonhador. Aprendeu desde cedo o valor da amizade e trata os amigos como irmãos. “Pode contar comigo” é uma expressão muito presente em seu vocabulário. O filho da Dona Rosalba não se contenta com pouco, é ansioso e por isso não gosta de esperar. Enquanto as ideias fervilham na cabeça, Kiko vai lá, mobiliza e faz. Nunca deixa para amanhã uma ideia que surgiu hoje.

Motivação define o Felipe com propriedade. Formado em Relações Públicas pela Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul (Pucrs), coleciona ídolos e procura se espelhar no melhor de cada um. O estilo leve de viver do Zeca Pagodinho, por exemplo, a inteligência do Jô Soares; a liderança e o espírito de equipe do ex-jogador colorado Fernandão; o conhecimento da professora Neka Machado e a força de vontade da mãe, sua maior inspiração.

O Kiko também é um homem apaixonado. Apaixonado pela família; pela profissão que escolheu; pelo Internacional que é o time do coração; pelos amigos e principalmente pela vida. Dificilmente se deixa abater e procura enfrentar todas as situações sem perder o sorriso no rosto. 

Tem aversão a perder tempo e gosta de aproveitar a vida intensamente. Acredita que a felicidade está nas coisas simples da vida. Adora viajar e não dispensa um convite para uma peça de teatro, um belo filme ou um bom show. A ânsia de aprender coisas novas já o levaram longe. Entre tantas aventuras, morou quase um ano em Lisboa – Portugal. Estudou na Universidade Católica Portuguesa, viajou por vários países, conheceu outros idiomas e culturas. Nas horas vagas arrumou tempo para fazer figuração em uma novela portuguesa e em alguns comerciais.

A cada novo dia, uma ideia nova e um novo projeto de vida sem medo de ser feliz. Fazer o bem para os que estão ao seu redor é a principal meta.

Esse é o Felipe Righi Balestrin ou simplesmente o Kiko.

[Texto produzido pela jornalista Sarah Souza, em 2014]